Arquivos de Tag: português para estrangeiros

Clube de Português

O Clube foi uma ideia que me ocorreu ao ver o mesmo esquema adotado por artistas que vendem clipart e está se tornando um grande sucesso. Um repórter de muito sucesso na TV, que era sempre chamado para resolver “questões insolúveis” sempre terminava seu programa dizendo “se está bem para ambas as partes…”

É o que acontece com o nosso clube, para fazer parte o que você precisa é afiliar-se e todos os meses receberá apostilas e/ou jogos em PowerPoint que o ajudarão em suas aulas de português. As apostilas são criadas para alunos brasileiros e estrangeiros, em diversos estágios de aprendizado.

Além de receberem material novo sem terem que ficar procurando-o, e a preço muito menor do que o usado em sua comercialização, os sócios também recebem descontos especiais em suas compras nas lojas virtuais.

Material enviado em outubro de 2013

Acentuação gráfica: apresentação em PowerPoint com regras e diversos exemplos (nova ortografia); apostila do aluno com diversos exercícios para memorização; apostila do professor com respostas.

Vícios de linguagem: apresentação em PowerPoint com explicação e exemplos; 5 apostilas (12 páginas) com exercícios para os alunos auxiliando na memorização e respostas para o professor.

Interpretação e Produção de Textos – ENEM: apostila com 4 páginas, diversos exercícios de interpretação e escrita sobre textos e imagens.

POE 1 – Prática Oral e Escrita – presente – verbos regulares: apostila com 7 páginas contendo diversos exercícios de escrita com correção oral, com prática de verbos regulares no presente do indicativo; respostas e sugestões para o professor. Para os professores de PLE o áudio estará disponível em breve, e será enviado gratuitamente aos sócios do Clube em novembro.

A primeira remessa de novembro já foi enviada (correção de erros) e ainda esta semana será enviada a segunda.

Como ficar sócio do clube

Se você é professor de português e quer receber mensalmente os lotes de apostilas destinados à prática de nosso idioma, veja abaixo os temas trabalhados:

Gramática: morfologia, sintaxe, semântica, fonética (especial atenção para usos de tempos verbais, conjugação de verbos, colocação pronominal, apresentações e jogos em PowerPoint – com áudio).

Vocabulário: expressões idiomáticas, gíria, linguagem padrão e linguagem coloquial.

Interpretação: textos (notícias, crônicas, piadas), imagens, vídeos.

Escrita: redação, técnicas de redação, produção de textos.

Literatura: brasileira e portuguesa.

Se você está interessado, saiba mais usando o link abaixo  e junte-se a nós:

CLUBE DE PORTUGUÊS 

Apostilas e jogos interativos em PowerPoint para o ensino e prática de idiomas – inglês – espanhol – alemão – francês – português (inclusive PLE). Se mora no Brasil visite SOS Idiomas; se mora no exterior visite: Digital Goods. Entrega imediata por download.

Zailda Coirano

Ensino de português para estrangeiros (PLE)

portuguesSempre que me envolvo na discussão “que tipo de recursos usar para ensinar português para estrangeiros” há sempre alguém (frequentemente mais de uma pessoa) dizendo que devemos usar “recursos reais”.

Eu não vou aqui desmerecer quem fez mestrado, doutorado e tudo o mais para ensinar português para estrangeiros, mas também me reservo o direito de ter a minha opinião. A mim me parece que há um certo “preciosismo” quando se fala no ensino de PLE, como se fosse algo que paira acima do ensino de outros idiomas e que, assim sendo, não tem qualquer relação com as metodologias empregadas no ensino de inglês, francês ou outro idioma qualquer. A impressão que se tem é que aprender português é algo diferente de aprender qualquer outra segunda língua.

Não acredito que seja assim. Podemos ensinar português usando a mesma metodologia com que ensinamos espanhol ou russo, mudando apenas o vocabulário e a gramática – of course!

Da mesma forma que usamos livros e apostilas para o ensino de outros idiomas, podemos fazer o mesmo com o bom e velho português. Como acontece nas aulas de inglês, material “real” pode e deve ser usado – aliado ao material didático e paradidático empregados – para que haja não só uma adequação do aluno ao idioma como ele é falado, mas também a sua familiarização com vocabulário e gramática de acordo com o padrão da língua.

Os regionalismos são também importantes, mas eu me pergunto: se um carioca é capaz de viver uma vida inteira e se comunicar muito bem sem conhecer o “dialeto” do mineiro ou do gaúcho, por que eu teria que sobrecarregar meu aluno estrangeiro tentando passar para ele TUDO o que se fala no Brasil?

Eu acredito que o aluno deva explicar ao professor os motivos que o levaram a procurar um curso. Baseando-se nesses motivos o professor poderá então direcionar o vocabulário / sotaque / enfoque / material “real” para os objetivos do aluno:

– Para fins profissionais? Qual profissão? Como será a comunicação – falada, escrita, etc.?

– Vai fazer um curso? Que curso? Que livros vai usar? Haverá necessidade de desenvolvimento das habilidades fala e audição?

– Vai viajar para o Brasil? Para que Estado ou região? Com quem terá contato? Quanto tempo vai ficar?

E assim por diante. Mais que “a opinião do professor” deve-se adequar o conteúdo e o método às necessidades do aluno, dos alunos ou da classe em geral, sua faixa etária, o uso que fará (ou farão) do idioma, o nível ao qual pretende chegar, quanto tempo tem para estudar, qual a carga horária e duração do curso, e outras considerações do gênero que devem pesar tanto na escolha do material quanto na elaboração das aulas e na definição da metodologia a ser empregada.

Minhas crenças como professor são muito importantes, mas eu não posso olhar apenas para meu umbigo e aferrar-me a elas, esquecendo que o objetivo maior do curso existir é o aluno, dessa forma minhas crenças devem ser elásticas o suficiente para que possam fornecer a ele exatamente o que está procurando.

Zailda Coirano – SOS Idiomas & Digital Goods

Todos os meus trabalhos num só lugar

zailda.comTodos os meus blogs, perfis e grupos agora estão centralizados. Para encontrar qualquer um deles basta acessar: zailda.com.

Simples, não? Se você quer me seguir, encontrar ou entrar em contato, não esqueça: zailda.com.

Continuarei publicando normalmente aqui e em todos os outros blogs, o site será atualizado constantemente para que todos encontrem o que procuram. Lá estou conectando todos os meus links, tornando mais fácil encontrar tudo o que você procura.

verdemarminuscula

Novo espaço para PSL–PLE

Brazilian flagNão importa se você usa o termo PSL (Português Segunda Língua) ou PLE (Português Língua Estrangeira), temos pelo menos duas coisas em comum além do ensino do português: a dificuldade de encontrar outros professores que ensinem PSL (ou PLE, como queira…) e a escassez de material.

Ah, claro, temos livros de português em profusão! Mas a grande maioria (quase todos, na verdade) são destinados a alunos nativos e não a estrangeiros. O enfoque do ensino de português para nativos é diferente do enfoque do seu ensino para estrangeiros, portanto sempre teremos que partir em busca de mais material, novas técnicas, vídeos e textos para enriquecer nossas aulas e ideias, muitas ideias.

Podemos nos ajudar, há um local onde podemos discutir problemas comuns e encontrar soluções. Também podemos trocar o material que usamos com nossos alunos. Além de trocar ideias e material, o projeto vai um pouco mais além: familiarizar os professores de PSL / PLE com o uso das wikis, que podem ser muito úteis para os seus projetos futuros.

Então, por que não tentar? Segue aí o endereço, estamos começando mas toda grande árvore um dia foi uma semente, certo?

http://psl-ple.wikispaces.com/

Outros endereços que podem interessar:

http://groups.google.com/group/psl-portugues-para-estrangeiros

http://pt-brasil.blogspot.com

ass verm

Projeto novela (PSL–português para estrangeiros)

passioneDa mesma forma que usamos filmes e vídeos para ensinar inglês ou espanhol, ocorreu-me a ideia que seria muito bom ensinar português com o que nossa TV faz de melhor: as novelas. No momento estamos desenvolvendo um projeto com novelas para o ensino do português para estrangeiros (Português Segunda Língua).

Quem se interessar basta acessar o grupo e solicitar sua inscrição, o projeto será desenvolvido no grupo e os resultados serão compartilhados com os membros.

Para solicitar sua inscrição visite o grupo:

http://groups.google.com.br/group/psl-portugues-para-estrangeiros

assinatura rosa

%d blogueiros gostam disto: