Como você prepara sua aula?

O que você leva em consideração na hora de preparar sua aula? Eu sei que existem apostilas que já vêm com a aula toda esquematizada e dizem até o que você deve escrever na lousa, mas você acha que quem preparou isso conhece seus alunos? Eu acho que não.

Por mais pormenorizado que seja o plano de aulas que você recebe junto com seu livro, ele foi criado para atender um pseudo-aluno que se encaixa na média dos estudantes, e nós sabemos que nossos alunos não são todos assim. Eles têm tantas diferenças entre si quanto os grãos de areia na praia e você tem mais chances de contemplá-los com suas explicações quanto mais se aproximar da realidade deles.

Eu sei que poupa tempo simplesmente utilizar aquele esquema que já vem pronto, ou dar a aula daquela forma que você sempre deu. Mas se você ganha tempo na hora de explicar, por outro lado perde tempo explicando vezes sem fim a mesma coisa, que para você parece óbvia mas que para eles não é.

Individualize sua aula

Cada classe é diferente da outra, e já ouvi professores conversando, cada um descrevendo as características de determinada classe ‘sua’. Tomando como base esse conhecimento que você tem de seus alunos, individualize sua aula, prepare-a pensando em Huguinho, Zézinho, ou seja: em seus alunos. Quando for dar exemplos, use a realidade deles, compare com coisas que eles conheçam por vivê-las em seu cotidiano. Quando for explicar uma passagem histórica, por exemplo, compare-as com eventos acontecidos atualmente ou mesmo na comunidade onde moram. Diga Cleópatra, a exemplo da Fulana, também pensou assim… Ou coisa parecida.

Inclua perguntas a cada passo da explicação

Faça com que seus alunos construam a explicação e participem dela respondendo a perguntas e deduzindo a continuação. Não explique simplesmente uma passagem histórica, pergunte: o que você acha que o Marco Antonio fez? Ou o que você faria no lugar dele? Torne a história real na cabeça dele, não explique simplesmente, desperte a curiosidade deles e faça com que formem uma imagem mental daquilo que você está falando.

Dessa forma eles entenderão e não se esquecerão. Eu me lembro que adorava gatos e minha professora de história sabia disso. Ela contou que os romanos venceram os egípcios porque para os egípcios o gato era sagrado. E me perguntou (porque sabia que eu tinha muitos gatos): o que você faria para vencer um exército que adora gatos? Eu dei algumas sugestões. Então ela fez suspense: Pois sabe o que se passou na cabeça dos romanos? Eles colocaram um monte de gatos à frente do exército deles, assim os egípcios não os atacaram porque para eles o gato era sagrado.

Eu entendi perfeitamente, mas alguns alunos protestaram, disseram que os egípcios deveriam ter atacado para defender suas vidas. Mas aí ela perguntou: o que vocês consideram sagrado? Alguns responderam ‘minha mãe, Deus, Nossa Senhora, etc’ e ela perguntou se atirariam arriscando atacar aquilo que consideravam mais sagrado. Todos os alunos compreenderam.

Aula personalizada

Quando preparo minha aula mentalmente eu procuro a ligação entre o que estou ensinando e o universo de meus alunos, sempre me fazendo algumas perguntas:

Em que isso pode ser útil a meus alunos? (e assim que encontro a resposta, coloco-a na preparação de minha aula) Se estou explicando o que é uma biruta, pergunto a um aluno que quer ser aviador em que ela poderia ser útil a ele. Ou a um que gosta de aviões. Ou que quer ser astronauta, ou ainda um bombeiro. E há muitas profissões que consideram importante saber a direção do vento.

Qual aluno poderia me ajudar a explicar isso usando conhecimento anterior? (e eu tenho que saber o que meus alunos sabem). Então deduzo que o melhor aluno para me ajudar a explicar sobre a formação de vitamina D no corpo humano seja aquele que acabou de voltar da praia. Ou coisa semelhante.

Eu vou sempre personalizando minhas explicações e usando perguntas a alunos para chegar onde eu quero, fazendo-os raciocinar comigo à medida que a aula vai se desenvolvendo. Crio expectativas, faço suspense, faço com que deduzam. Eu nunca dou a eles o peixe, convido-os a pescarem comigo.

Leia também: Uma aula mais dinâmica e interessante

4 Respostas

  1. […] também: Como você prepara sua aula? Tags: aprendizado, curso, diploma, educação, ensino, […]

  2. […] também: Como você prepara sua aula? Tags: Dinâmica, ensino, Escola, exercícios, gramática, grupo, […]

  3. […] também: Como você prepara sua aula? Tags: educação, Escola, flashcards, idiomas, imagens, inglês, linguagem, Métodos de ensino, […]

  4. silvania maria custódio

    quero que me mandem modelos de atividades para trabalhar com as crianças e adolescentes…desenhos e outros

%d blogueiros gostam disto: