Cenas de filmes em sala de aula

De vez em quando preparo uma aula diferente, com uma cena de algum filme famoso. Escolho com cuidado a cena de acordo com a sala na qual vou trabalhar o filme, contendo vocabulário que aprenderam recentemente. Isso não é uma tarefa das mais fáceis, mas quando se vê filmes já pensando no que se vai ensinar aos alunos torna-se automática e natural. Quando vejo um filme e percebo que ele contém vocabulário ou usa gramática que estou ensinando ou vou ensinar em algum livro, mentalmente já anoto o filme e a cena para usar depois.

Claro que para isso tenho que ver o filme com seu som original (inglês ou espanhol) e preparar as aulas com antecipação para saber o que vou dar na semana que vem, por exemplo, para encaixar o filme logo depois da lição.

Preparo uma “ficha”, semelhante àquelas que os professores nos passavam quando líamos um livro. Acredito que o aluno que consegue interpretar as cenas que está vendo conseguirá um rendimento melhor em interpretação de textos porque vai se acostumando a interpretar o que vê, ouve ou lê.

Nessa ficha, primeiro vou dividindo a cena em parte e vou explicando: Fulano chega e conversa com Beltrano a respeito da venda de um carro. O que eles estão falando? Crie um diálogo, imaginando o que você diria no lugar deles.

Vou fazendo isso passo a passo, numa cena movimentada com 5 ou 6 ocorrências, por exemplo, divido em 5 ou 6 partes, de acordo com o que acontece na tela.

Divido os alunos em pares, mas dou uma ficha para cada um, só podem trocar idéias com seu par. Em um primeiro momento passo a cena para os alunos inteira, sem som nenhum. Depois peço a eles que leiam a ficha e passo a primeira parte da cena, pedindo que criem o diálogo. Dou cinco minutos e peço ao primeiro par que leia seu diálogo. Repasso a cena e peço a um segundo e depois terceiro par para que digam o que escreveram.

Quando terminamos toda essa parte, criando diálogos para todas as partes daquela cena (que não pode ter mais de 5 minutos no total, senão não dá para fazer em uma aula só), passo à segunda parte do trabalho. Divido a classe em dois grupos e peço para que sentem no chão. Os dois grupos concorrem um com o outro. Entrego a eles o diálogo real cortado em tiras (cada grupo tem o diálogo completo, cortado em tiras e embaralhado) e peço que ponham na ordem, à medida que vão ouvindo.

Passo então a cena toda com o som original, a cada frase volto e toco 2 ou 3 vezes, enquanto eles vão organizando o diálogo original.

Tudo isso é feito sem legendas, as fichas e tudo o mais em inglês ou espanhol, dependendo da classe com que estou trabalhando.

Se há alguma estrutura de gramática que já aprenderam, pergunto a eles como foi usada no filme, se está correta ou não. Quando terminamos dou pipoca aos alunos e então eles podem ver a cena toda de novo, com o som original, claro.

Eles costumam gostar desse tipo de atividade, porque aprendem, recordam o que aprenderam e também porque a aula fica diferente e dinâminca. Eu apenas direciono mas quem “constrói” a aula são eles.

(zailda coirano)

Anúncios

5 Respostas

  1. […] também: Cenas de filmes em sala de aula Tags: aula, DVD, ensino, Escola, powerpoint, Preparação de aula, […]

  2. Achei muito legal este tipo de dinâmica, já vou começar a utilizá-la em minhas aulas.

    Obrigada pela dica!!!

  3. Zailda estava pensado em usar cenas de filmes, como você utiliza, mas como editar o filme?
    Qual programa usar para fazer os cortes? Claro com um bom tutorial, porque as vezes lendo os manuais me sinto perdido.
    Para me vingar digo que manuais foram escritos por engenheiros…

    Abraços

    Pedro

    1. Olá
      Vou publicar o tutorial aqui sim, mas já adianto que é só usar o programa moviemaker, do próprio windows. Eu aprendi fuçando porque não é difícil.
      Um abraço

  4. […] também: Cenas de filme em sala de aula Tags: educação, ensino, Escola, gramática, musica, […]

%d blogueiros gostam disto: