Arquivos de Tag: Primeira Aula

Como preparar a primeira aula

apavoradoOs professores novatos entram em pânico antes de começar um curso, tentando achar maneiras para iniciar a primeira aula. Mas isso não é uma prerrogativa dos professores novatos, os professores veteranos também têm essa preocupação.

A primeira aula é muito importante porque poderá definir se essa classe terá uma acolhida favorável ou se você terá que matar um leão por dia para ensinar alguma coisa. Ninguém tem uma segunda chance de causar uma primeira boa impressão, e se esse será não só o primeiro dia de aula, como também seu primeiro contato com a turma, é muito importante preparar essa aula com cuidado e atenção redobrados para começar com o pé direito.

Conhecer seus alunos

É muito importante conhecer os alunos, seus gostos, passatempos, interesses. Se você conhece os alunos pode tirar partido disso ao preparar suas aulas seguintes, tirando partido do que já sabe deles. Além de ser muito importante preparar aulas que insiram o material novo na realidade deles, você estará também mostrando a eles como usar aquilo na prática, em coisas que já conhecem e atividades que apreciam.

Também é importante citar o que se sabe dos alunos no contexto das explicações, porque o aluno sente-se valorizado cada vez que percebe que algo é dirigido diretamente a ele e que suas necessidades foram levadas em conta ao preparar o material que será usado.

Há muitas atividades e jogos que se prestam a “conhecer alunos”, e você deverá escolher uma levando em conta a idade e nível deles. Também é importante saber se essa atividade será executada por alunos que ainda não se conhecem ou se já estão nessa mesma classe há algum tempo.

Dinâmicas

É interessante continuar com uma dinâmica que tenha algum objetivo claro, ou que vá apenas colocar os alunos à vontade. Diversas dinâmicas fazem com que o aluno se conscientize da importância da lição de casa, da cooperação, do trabalho em grupo, etc. Antes de preparar essa atividade, converse com professores anteriores ou com a direção da escola para saber mais sobre essa classe: se há alunos que faltam, que não prestam atenção, que não fazem lição de casa, que não participam de trabalhos em grupo, que desrespeitam os outros ou o professor. Com essa informação será mais fácil ter uma ideia clara do que essa classe em especial precisa.

Revisão

Se é o primeiro dia de aula mas não é uma classe iniciante é sempre bom preparar uma atividade de revisão, por mais simples que seja. Se for em forma de jogo e trabalhe diversas habilidades ao mesmo tempo, melhor ainda. Pesquise, pense. Procure encontrar uma atividade que ao mesmo tempo que forneça prática em matéria que viram no livro passado também os divirta. Caso não encontre, prepare a sua com as especificações necessárias para atender essa classe em particular.

Introdução

Além de conhecer seu aluno é necessário que ele também conheça você. Prepare uma apresentação curta e objetiva, incluindo apenas o que realmente está relacionado com o papel que você irá desempenhar: experiência prévia, cursos, viagens, etc. Inclua alguma coisa pessoal, como hobbies ou gostos pessoais, mas não se estenda muito nesses tópicos, o objetivo é apenas mostrar que o professor é “gente como a gente”.

Depois de incluir esses ítens passe à preparação de aula propriamente dita e não se importe se sobrarem apenas 10 ou 15 minutos para a matéria. Se as atividades de abordagem foram boas e atingirem seus objetivos você irá ganhar tempo porque terá uma classe interessada no que você tem para mostrar.

rodapé blog (cinza)

Website 

Loja Virtual

Twitter

Facebook

Atividade para o primeiro dia de aula

Essa atividade pode ser usada com alunos maiores (adolescentes) com um bom retorno para o professor porque considero importante sabermos como os alunos se sentem e o que esperam de nós. Quanto mais nos aproximarmos de suas expectativas, mais colaborativos e participativos se tornarão, então por quê não preparar alguma atividade onde possam expressar-se e para que tenhamos ideias para usar durante o semestre?

Muitos professores optam por uma atividade meramente recreativa para o primeiro dia de aula e às vezes eu também faço dessa forma, mas se pudermos adotar uma atividade na qual possam se expressar (e quem é que não gosta de falar de si, de seus sonhos e ideias?) o resultado pode ser muito bom.

Para fazer o download da atividade clique no link abaixo. A atividade é meramente sugerida, você pode usá-la simplesmente para inspirar-se ao criar algo semelhante.

A atividade foi concebida para que os alunos a fizessem em pequenos grupos ou em pares. Devem discutir as questões propostas em grupo e depois cada aluno anota suas conclusões.

Sugiro que respondam oralmente da seguinte forma:

- O professor faz a primeira pergunta e escolhe um aluno para respondê-la;

- O aluno que respondeu a primeira pergunta escolhe um outro aluno e fará a ele a segunda pergunta;

- O aluno que respondeu a segunda pergunta escolhe outro aluno e fará a ele a terceira pergunta.

Importante: Assim que o aluno responde a pergunta o professor deve perguntar à classe:

- Alguém discorda ou tem alguma resposta diferente?

O objetivo dessa atividade é fazer com que os alunos se expressem e também para que percebam a utilidade da matéria ensinada e também descubram como ela poderá ajudá-los a conseguir o que querem para seu futuro ou mesmo em seu cotidiano.

Podem ser propostas perguntas adicionais. Por exemplo: se você é professor de física, pode perguntar: “Em que essa matéria pode ajudar uma dona-de-casa em sua vida diária?”

Primeiro dia – DOWNLOAD

Leia também:

Dinâmicas para a volta às aulas

Jogos em sala de aula


Dinâmica para o primeiro dia de aula – Prazer de Ensinar

Achei um blog ótimo, tem muitas brincadeiras e essa postagem que achei excelente para quem tem alunos em idade pré-escolar, entre 5 e 6 anos. Se for o seu caso, acesse Prazer de Ensinar: Dinâmica para o primeiro dia de aula.

Leia também: Jogos e brincadeiras com matemática para crianças

Socorro! As aulas vão começar! E agora?

Tudo bem que todo mundo sabe que você é um excelente profissional e que dedica-se ao máximo aos seus alunos, mas esse ano deu bobeira, foi viajar está voltando hoje,  e só nesse momento se deu conta de que o início das aulas está aí e não preparou nada ainda. E agora?

Para prevenir esse tipo de ‘tombo sem paraquedas’ de volta à realidade, antes de sair de férias em dezembro eu já deixo preparado o que vou fazer na primeira aula do ano seguinte, ou pelo menos a maior parte, já que estou no embalo de final de ano e com a cabeça cheia de idéias. Mas para você agora não dá mais, mas já fica a sugestão para o próximo ano.

E para este ano agora, que é mais urgente, em primeiro lugar não se desespere, para tudo há um jeito. Sugiro para começar uma dinâmica, claro, mãos à obra preparando umas fichinhas para seus amigos entrevistarem uns aos outros como descrevi aqui no blog na postagem “Dinâmica de grupo – o que você pretende com isso?” ou outra dinâmica qualquer (há várias sugestões no blog Coelho da Cartola e mesmo aqui no blog na tag Dinâmicas).

Depois da dinâmica você pode fazer uma revisão da matéria do ano passado, é sempre bom para refrescar a memória dos alunos antes de apresentar coisa nova. Se tiver tempo e material disponível faça um resumo numa cartolina com pincel atômico, se tiver dotes artísticos vale desenhar.

Com a sua cartolina vá fazendo perguntas aos alunos, você pode levar balas e promover uma espécie de ‘Quiz’, tipo show do milhão, recorte uns pedaços pequenos de cartolina com valores de 1 a 10 e vá dando aos alunos conforme a dificuldade da pergunta. Antes de perguntar faça como num show, diga ‘essa pergunta vale…. pontos’.

Ao final troque as fichas dos alunos por balas (não custa caro, um pacotão você encontra numa loja de 1,99 com facilidade). Lembre-se que o valor material não importa muito, eles gostam de competir e ganhar alguma coisa.

Quanto à matéria nova, digite e imprima os principais tópicos – se não der tempo tire xerox mesmo – corte em partes iguais.  Divida os alunos em grupos, entregue um parágrafo ou dois da matéria nova a cada grupo e peça a cada grupo que analise o parágrafo recebido . Após um tempo estabelecido por você cada grupo apresenta suas idéias, que você vai corrigindo e perguntando aos outros grupos se concordam e porque.

Promova o debate, acrescente explicações e informação adicional. Dê uma aula dinâmica e diferente – e prepare a próxima como sempre fez.

Boa sorte!

Leia também:

Dinâmica de grupo – o que você pretende com isso?

Uma aula mais dinâmica e interessante

Dinâmicas, jogos e brincadeiras no blog Coelho da Cartola

Dinâmica de grupo – o que você pretende com isso?

Antes de decidir-se por aplicar uma dinâmica de grupo é importante definir o que você pretende com isso. Hoje virou moda fazer uma dinâmica no primeiro dia, mas algumas não se sabe exatamente para que fim servem. Se você faz a mesma dinâmica entra ano e sai ano, que tal mudar e fazer alguma coisa diferente? Ou se todos os professores da sua escola fazem mais ou menos a mesma coisa, por que não fazer alguma coisa diferenciada?

Se tudo o que você pretende é fazer com que os alunos se conheçam um pouco mais, ou você quer conhecê-los melhor, fazendo uma ‘fichinha’ com alguns dados e entregando aos alunos, pedindo que entrevistem os colegas pode resolver, e eles vão gostar da atividade. Depois você pode recolher as fichas e usar para preparar uma aula mais direcionada aos gostos de seus alunos.

A fichinha é simples, como dados coloque nome, idade. Depois algumas perguntas:

  • Seu esporte favorito
  • Seu filme favorito
  • Que tipo de música gosta
  • Participa de alguma atividade fora da escola

E aí use sua imaginação, uma fichinha com 10 perguntas está ótimo. Pode incluir algumas perguntas pessoais, como se tem bicho de estimação, irmãos, etc. Aí é você quem decide.

Divida os alunos em duplas e dê um tempo (isso é muito importante, senão vira bagunça) para que entrevistem uns aos outros. Peça para anotarem o nome do aluno que entrevistaram e todas as respostas na fichinha. Você pode incluir também uma pergunta extra, para ser respondida pelo entrevistador, tipo: “o que eu sei sobre o colega que entrevistei”.

Depois você escolhe alguns alunos (não precisa chamar todos) para lerem as informações que colheram. Ao terminar, recolha as fichas, são um material precioso na hora de preparar suas aulas.

Leia também: Jogos, dinâmicas e outros recursos em sala

Para mais jogos e dinâmicas visite Coelho da Cartola

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 136 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: